Você está aqui: Página Inicial Notícias Notícias do Site Criminal Mais seis são denunciados por integrarem a máfia dos sanguessugas

Mais seis são denunciados por integrarem a máfia dos sanguessugas

Cinco ex-deputados e ex-assessora são acusados de integrar ramificação política da organização que atuou para se apropiar de recursos do Orçamento da União.

Cinco ex-deputados federais e mais uma ex-assessora foram denunciados pelo Ministério Público Federal em Mato Grosso por envolvimento com a máfia dos sanguessugas.

De acordo com a denúncia, os cinco ex-parlamentares Rubeneuton Oliveira Lima, Vanderlei Assis de Souza, João Correia Lima Sobrinho, João Batista dos Santos e Edna Bezerra Sampaio Fernandes integravam a ramificação política da organização que atuou com a apropriação de recursos de emendas parlamentares ao Orçamento da União, direcionadas à área de saúde, destinadas para a compra de ambulâncias e equipamentos hospitalares.

Rubeneuton Oliveira Lima, de São Paulo; João Batista dos Santos (MS), também conhecido como João Grandão e Edna Bezerra Sampaio Fernandes (SP), também conhecida como Edna Macedo, foram denunciados pela prática dos crimes de formação de quadrilha, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e fraude à licitação. 

Também de São Paulo, Vanderlei Assis de Souza vai responder pelos crimes de formação de quadrilha, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ex-deputado federal pelo Acre, João Correia Lima Sobrinho (AC) foi denunciado por formação de quadrilha, corrupção passiva e fraude em licitação.

A ex-chefe de gabinete Marion Ferreira Gomes, ligada à Edna Macedo, vai responder pelos crimes de formação de quadrilha, corrupção passiva e fraude em licitação.


Lenita Violato Ferri
Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República no Mato Grosso
(65) 3612-5017
lenita@prmt.mpf.gov.br

Ações do documento
Ferramentas Pessoais